Documentos para comprovação no ProUni 2013

Em breve deverão ser abertas as inscrições para o Prouni 2013, o Programa Universidade Para Todos 2013 vai conceder bolsas integrais e parciais de estudo a candidatos de todo o pais com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio 2012 (Enem 2012). O Prouni é um programa de cunho social, para concorrer a uma das bolsas de estudo o candidato deverá se encaixar em uma série de critérios definidos pelos regulamentos do programa e para isso é necessário apresentar uma série de documentos para comprovação no Prouni 2013, é com base nesses documentos comprobatórios que a coordenação do Prouni 2013 irá definir se o candidato está apto a efetivar sua inscrição naquela instituição com base no seu perfil social e econômico.

Os documentos para comprovação de renda no Prouni, inclusive aqueles que comprovem a renda do candidato e de seu grupo familiar, devem ser apresentados pelo candidato somente após o mesmo ter feito sua inscrição no Prouni 2013 e ter sido selecionado pelo sistema informatizado do SisProuni para a bolsa integral ou bolsa parcial, de acordo com a opção do candidato. É necessário conhecer os critérios de bolsa do Prouni para saber se você tem direito a uma bolsa integral, parcial ou se não tem direito a bolsa.

Após ter sido selecionado no Prouni, o candidato terá um prazo (que será indicado no momento da sua seleção no sistema), para comparecer à instituição selecionada de posse de todos os documentos de comprovação para efetivar sua matrícula na instituição, esse prazo costuma durar cerca de uma semana, esse é o tempo que o candidato terá para providenciar toda a documentação necessária, caso ainda não a tenha em måos.

Mas qual a documentação exigida para a comprovação no Prouni? São exigidos os três tipos de documentação: de identificação, de residência e de renda, ao menos um documento para cada membro do grupo familiar. Importante ressaltar que a coordenação do Prouni poderá solicitar outros documentos para a comprovação dos dados, portanto assim que selecionado é importante o candidato entrar em contato diretamente com a instituição para saber se a mesma exige mais alguma documentação, pois o candidato que não apresentar a documentação solicita dentro do prazo poderá perder sua bolsa.
Documentos comprovação Prouni 2013

Os dados abaixo foram retirados da Portaria Normativa MEC nº 12, de 27 de junho de 2012, que regulamenta o processo seletivo do Programa Universidade para Todos – Prouni referente ao segundo semestre de 2012.

  • Documentos de identificação do candidato e dos membros do seu grupo familiar

O candidato deverá providenciar um dos documentos abaixo para cada pessoa do seu grupo familiar (inclusive do próprio candidato). Porém poderá se solicitado pelo coordenador do Prouni mais de um dos documentos abaixo.

  1. Carteira de Identidade fornecida pelos órgãos de segurança pública das Unidades da Federação.
  2. Carteira Nacional de Habilitação, novo modelo, no prazo de validade.
  3. Carteira Funcional emitida por repartições públicas ou por órgãos de classe dos profissionais liberais, com fé pública reconhecida por Decreto.
  4. Identidade Militar, expedida pelas Forças Armadas ou forças auxiliares para seus membros ou dependentes.
  5. Registro Nacional de Estrangeiros (RNE), quando for o caso.
  6. Passaporte emitido no Brasil.
  7. Carteira do Trabalho e Previdência Social (CTPS).
  • Comprovante de residência

O candidato deverá providenciar um dos documentos abaixo como comprovante de residência, deverá estar em nome do candidato ou de um dos membros de seu grupo familiar.

  1. Contas de água, gás, energia elétrica ou telefone (fixo ou móvel).
  2. Contrato de aluguel em vigor, com firma do proprietário do imóvel reconhecida em cartório, acompanhado de um dos comprovantes de conta de água, gás, energia elétrica ou telefone em nome do proprietário do imóvel.
  3. Declaração do proprietário do imóvel confirmando a residência, com firma reconhecida em cartório, acompanhada de um dos comprovantes de conta de água, gás, energia elétrica ou telefone em nome do proprietário do imóvel.
  4. Declaração anual do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF).
  5. Demonstrativo ou comunicado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ou da Receita Federal do Brasil (RFB).
  6. Contracheque emitido por órgão público.
  7. Boleto bancário de mensalidade escolar, de mensalidade de plano de saúde, de condomínio ou de financiamento habitacional.
  8. Fatura de cartão de crédito.
  9. Extrato ou demonstrativo bancário de outras contas, corrente ou poupança.
  10. Extrato ou demonstrativo bancário de empréstimo ou aplicação financeira.
  11. Extrato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).
  12. Guia ou carnê do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) ou do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores ( IPVA).
  • Comprovante de rendimentos

Deve ser apresentado comprovante de rendimentos de cada pessoa do grupo familiar do candidato, o documento a ser apresentado varia de acordo com o tipo de atividade exercida, deve ser apresentado ao menos um documento de acordo a atividade.

Assalariados

  1. Três últimos contracheques, no caso de renda fixa.
  2. Seis últimos contracheques, quando houver pagamento de comissão ou hora extra.
  3. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  4. CTPS registrada e atualizada.
  5. CTPS registrada e atualizada ou carnê do INSS com recolhimento em dia, no caso de empregada doméstica.
  6. Extrato da conta vinculada do trabalhador no FGTS referente aos seis últimos meses.
  7. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.

Atividade Rural

  1. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  2. Declaração de Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ).
  3. Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros de seu grupo familiar, quando for o caso.
  4. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, da pessoa física e das pessoas jurídicas vinculadas.
  5. Notas fiscais de vendas dos últimos seis meses.

Aposentados e Pensionistas

  1. Extrato mais recente do pagamento de benefício, obtido por meio de consulta no endereço eletrônico http://www.mpas.gov.br
  2. Extratos bancários dos últimos três meses, quando for o caso.
  3. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.

Autônomos

  1. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  2. Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros de seu grupo familiar, quando for o caso.
  3. Guias de recolhimento ao INSS com comprovante de pagamento do último mês, compatíveis com a renda declarada.
  4. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.

Profissionais Liberais

  1. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  2. Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou membros de seu grupo familiar, quando for o caso.
  3. Guias de recolhimento ao INSS com comprovante de pagamento do último mês, compatíveis com a renda declarada.
  4. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.

Sócios e Dirigentes de Empresas

  1. Três últimos contracheques de remuneração mensal.
  2. Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  3. Declaração de Imposto de Renda Pessoa Jurídica – IRPJ.
  4. Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros de seu grupo familiar, quando for o caso.
  5. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, da pessoa física e das pessoas jurídicas vinculadas.

Rendimentos de Aluguel ou Arrendamento de Bens Móveis e Imóveis

  1. Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física – IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
  2. Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.
  3. Contrato de locação ou arrendamento devidamente registrado em cartório acompanhado dos três últimos comprovantes de recebimentos.

6 comentários em “Documentos para comprovação no ProUni 2013

  1. Olá, fui pré-selecionada na segunda chamada da lista de espera do prouni, agora preciso comprovar informaçoes. Minha dúvida é a seguinte:
    No grupo familiar, coloquei apenas a minha renda … mas moro com os meus pais!
    Se levar os meus documentos e os documentos deles que comprovem renda eu tenho chance de ser reprovada na comprovação?

  2. Na comprovação de informação da lista de espera todos os membros da família precisam comprovar renda? inclusive quem e menor e não trabalha?
    Curtir · há 4 minutos

  3. Tenho 4 pessoas em casa e uma renda de 1.500,00. Fiz o primeiro ano em escola publica e terminei em supletivo particular. Gostaria de saber se tenho direito?

  4. Tenho renda aprovada, pelo prouni mas tenho uma poupança feita com o resgate de uma previdencia privada, feita ao longo de anos de trabalho, sou aposentado e tenho problemas de saúde que restringe o meu retorno ao mercado de trabalho….essa poupança que tenho pode servir de critério de reprovação para a bolsa integral do prouni??, uma vez que para manter o minha filha na instituição, precisaria dessa verba para compra de material livros, alimentação passagem, durante o período em que ela estivesse estudando….tem como reaver a bolsa? Na relação dos critérios do proune a unica exigencia é que a pessoa tenha renda minima, não menciona em nenhum momento qualquer forma de poupança….por favor me ajudem minha filha me cupa por ela não ter conseguido a bolsa e não posso usar esse dinheiro para pagar a faculdade dela…pois é o unico que tenho como reserva para hora de uma doença…se estivesse na previdencia privada eu poderia ter conseguido a bolsa para minha filha….

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *